quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Blogueiros que não sabem usar marca d'água


Domingo de manhã, melhor momento do universo para procrastinar. Você está navegando felizmente em alguns blogs aleatórios, até que vê algumas imagens bem legaizinhas. Divertidas até. Daria para passar a manhã navegando pelo blog.

Mas tem algo errado.

Por mais que se tente, você não consegue se concentrar nas imagens. Sejam as gostosas seminuas, as tirinhas engraçadas de memes, as imagens de bebês fofuxos ou as charges com fortes críticas sociais, tem alguma coisa nelas desviando o seu olhar.

Uma imagem forte, de visual colorido e tamanho incômodo, está constantemente ali, "mais ou menos" no canto da imagem, vampirizando a sua atenção e estragando a figura.

E o corno do blogueiro ainda tem a cara de pau de chamar aquele estorvo de "marca d'água".



Ok, eu compreendo. Você teve algum trabalho pra montar essa imagem e não quer que qualquer um saia usando o produto do seu magnífico esforço por aí. Mais ainda, você quer que as pessoas que encontrem sua imagem em outros lugares tenham uma maneira de saber que essa obra de arte te pertence. Não há nada de errado com isso. Aliás, é para isso mesmo que as marcas d'água foram inventadas.

Em algum momento da curta história da internet, alguém ficou chateado com a maneira livre como suas imagens eram usadas e teve a louvável ideia de adicionar uma pequena e discreta referência em cada uma delas.
"Pequena. Discreta. Deu pra entender?"


O problema, como sempre, é que pra cada ideia louvável que aparece no mundo, sempre tem uma horda de retardados pra achar que pode fazer melhor, e maior. E rapidamente esqueceram aquele papo de "pequeno" e "discreto", substituindo por imensos logos-propaganda multicoloridos.


"Porque pegar uma tirinha no 4chan e jogar porcamente no Google Translator merece todo o crédito!"


E piores ainda são os que entram em "guerras" de marcas d'água, simplesmente pegando uma imagem de outro site/blog, apagando a marca daquele site e descaradamente colocando a sua por cima, com a maior cara de pau do mundo.


"9gag? Nunca ouvi falar."


Dois recados, meus caros blogueiros conscientes.

Primeiro, essas marcas d'água gigantescas e coloridas não ajudam a divulgar o seu site. Pelo contrário, só ajudam a criar uma certa má vontade nas pessoas que estão visitando o mesmo. Talvez você consiga fazê-las desistir do seu site mais cedo, ou desmotivá-las a compartilhar a imagem nas suas redes sociais.

E segundo: Se você não fez uma imagem, se seu único trabalho de edição foi colocar a sua marca d'água por cima da que estava antes, você não passa de um ladrãozinho idiota. Mas se seu trabalho foi editar uma imagem pra retirar uma dessas marcas d'água escandalosas e chamativas, sem colocar a sua por cima, você é meu novo herói :)

6 comentários:

  1. Eu já parei de visitar alguns blogs por causa dessas marcas d'água sem noção, especialmente quando vi "roubos" descarados...

    ResponderExcluir
  2. Clarion, tenho uma séria duvida: Você possa em fóruns (4chan, brchan, vt etc)?

    ResponderExcluir
  3. No meu blog, além de pequena, indico exatamente o que fiz, coloco Publicado por (se apenas publiquei), Traduzido (se só traduzi, criado(se criei), editado (se editei)...e nunca apago uma marca d´agua original...na boa, acho que todo blog deveria adotar meu modelo, pra quem não conhece, entra lá http://www.filosofiahoje.com/

    ResponderExcluir