sábado, 12 de março de 2011

Bom motorista, mau motorista


É impossível evitar - se você convive com um mínimo de pessoas commoners do sexo masculino, você fatalmente vai ter que conversar num pequeno círculo de assuntos de "machão": futebol, cerveja e outras drogas, quem deu porrada em quem, quem é a mais gostosa do BBB, e, eventualmente quando os outros assuntos esgotarem, vão comentar sobre quem dirige bem/mal.

O engraçado (ou tragicômico, dependendo do seu ponto de vista) é que o conceito machão de dirigir mal ou bem é completamente o avesso do comportamento esperado de um bom motorista de verdade.

Então se você é um desses machões de sábado à noite, com a sua camisa do Framengo, óculos escuros, seu Gol Bolinha rebaixado com roda de liga leve, ouvindo seu pancadão enquanto se gaba das suas habilidades como super motorista, pegue bem a caneta e papel e aprenda a lição de hoje.

 
Guia prático pesedelo.net das características que definem um MAU motorista

  •  Se acha o bonzão porque viaja de [origem] a [destino] em apenas 2 horas e 23 minutos (sim, ele cronometrou).
  • Acha que ligar a seta é perda de tempo, só usa de vez em quando.
  • Se irrita, xinga e dá piti quando o carro à sua frente está andando dentro do limite de velocidade.
  • Quando o trânsito está congestionado, enfia a mão na buzina aumentando o estresse de todo mundo, e achando que isso vai resolver alguma coisa.
  • É mestre em enfiar o carro joselitamente na frente dos outros quando quer mudar de pista, virar num cruzamento ou sair de uma vaga numa rua movimentada.
  • Por outro lado, nunca dá passagem, fica nervosinho e distribui fechadas se alguém tenta entrar na sua frente, pois isso é uma afronta à sua masculinidade.
  • Acha que o pisca-alerta concede superpoderes, e que com ele ligado tem direito a ignorar todas as leis do trânsito, andar na contramão, estacionar em locais proibidos, etc.
  • Muda de pista o tempo joselitamente todo costurando entre os outros carros.
  • Decora onde estão os radares no seu caminho, e desacelera só no momento de passar debaixo deles.
  • Prefere interromper o trânsito e fazer um "balão" no meio da rua do que seguir em frente e achar um retorno honesto.
  • Quando tem companhia no carro, fica o tempo todo resmungando, apontando os defeitos e falando mal dos outros motoristas.

Mas não se preocupe, essa incompetência tem cura! Basta seguir essa simpatia:

Toda vez que você pensar em se gabar e se achar um ótimo motorista por um dos motivos acima, respire fundo, dê dois tapinhas na testa com a mão esqueda e repita três vezes: "Eu sou um motorista de merda, eu sou um motorista de merda, eu sou um motorista de merda".

 

    Um comentário:

    1. Acha que o pisca-alerta concede superpoderes, e que com ele ligado tem direito a ignorar todas as leis do trânsito, andar na contramão, estacionar em locais proibidos, etc.Hahahahahahahahahahaha. Muito boa essa. :).

      ResponderExcluir